Como Formatar Ebooks - JS Web Stúdio
Uma formatação de e-book é na verdade um prédio apenas no esqueleto, conforme você formata, você está completando sua estrutura, como janelas, portas, luzes que são o conteúdo interno e também a imagem dele, ou seja, o design, com estilo, formato. Seu e-book tem todo o conteúdo escrito, mas também deve ter outras informações que deve deixá-lo com aspecto profissional, contendo imagens ou fontes e alguns com informações sobre o autor, editor ou título e principalmente saber distribuir estes itens que torna seu e-book diferente.

É realmente frustrante conhecer profundamente tudo sobre isso. Mas com a ajuda das cinco dicas a seguir, você pode economizar bastante puxão de cabelo e ficar livre de estresse.

1- EBOOKS DEVEM SER RESPONSIVOS E FLUIDOS

O Ebook pode ser visualizado em diferentes dispositivos. Isso também significa que você não pode configurar tudo exatamente. Os leitores precisam aumentar o texto, alterar a fonte, ampliar a altura da linha; em suma, seu e-book deve ser flexível e responsivo ao mesmo tempo. A visualização de textos e imagens em uma tela pequena é diferente de uma tela grande. Em vez de adicionar muitos estilos, você precisa remover o máximo possível de estilo e tornar tudo muito simples.

2- COMECE COM SEU ARQUIVO DO WORD

É muito mais fácil criar um e-book configurando seu arquivo do Word da maneira certa. Use recuos de linha, não guias. Use o estilo "Padrão" para todos os títulos de capítulos e verifique se um sumário está sendo criado automaticamente. Defina um novo estilo de parágrafo para não-recuos no primeiro capítulo.

Você pode usar uma ferramenta simples de conversão de e-books on-line quando terminar e enviá-la diretamente para o Kindle ou executá-la no Caliber, e tudo deve parecer exatamente como você o configurou no Word.

3- TRABALHANDO COM UM ARQUIVO EPUB

Sugiro que você use o Scrivener, pois é mais fácil do que qualquer outra ferramenta epub. Se você já estiver usando o Scrivener, poderá exportar um arquivo epub, mas não poderá fazer alterações facilmente - terá o mesmo problema com o Caliber ou com os conversores automáticos. Use o Sigil para fazer alterações ou quando precisar corrigir erros de digitação. No entanto, o Sigil pode ser complexo para aprender, mas se você já possui um arquivo epub e está apenas fazendo correções, não deve ser demais. Você também pode usar o Sigil para adicionar fontes ou imagens ou editar a folha de estilos (por exemplo, se você quiser que os recuos sejam um pouco maiores ou que as legendas tenham mais espaço abaixo deles).

Se você tiver algum problema ao usar o Sigil, tente o Jutoh, que é um pouco menos de uma curva de aprendizado do que o Sigil. Jutoh é um software pago, mas a maioria das opções é fácil de encontrar, incluindo a incorporação de fontes.

4- FERRAMENTAS ONLINE

Existem várias ferramentas on-line que você pode usar para adicionar um capítulo, já que um e-book é basicamente uma coleção de capítulos diferentes - cada um configurado como uma página da web. Eles funcionam de forma semelhante ao WattPad. Alguns dos interessantes são:


Alguns dos sites e ferramentas citados são em Inglês, mas eles possuem opções para português e também há como usar o tradutor do Google, sendo fácil de trabalhar.

Mas alguns deles exigem planos mensais ou você os utiliza para distribuição. Outra opção é um plugin do WordPress. Se você possui um blog WordPress, basta colocar seus capítulos e exportá-los a partir daí.

5- WORKANA

Mas se você realmente tiver algum problema para formatar seu e-book, deixe que outra pessoa o faça. A formatação de e-book geralmente custa cerca de R$ 250, mas você pode fazer isso por R$ 80 ou menos no Workana. O Workana é uma plataforma de freelancers prontos para começar a trabalhar no seu projeto, você também pode trabalhar como freelancer e oferecer troca de serviços.

VEJA TAMBÉM:

Fundamentos De Design de E-Book Em 7 Etapas
10 Etapas Para Escrever Um Livro + 10 Etapas Bônus
12 Dicas de Como Deixar Seu Site Profissional
6 Passos De Como Fazer O Design Da Sua Logo